quinta-feira, agosto 09, 2018

Dia a dia as semanas passam

Saudações a todos os amigos que por aqui passam.

Já há algum tempo que não aparecem por aqui novidades do andamento da missão em Angola. Cá vão algumas.
O mês de Junho terminou com o regresso da Ana Rita a Portugal e, poucos dias depois, já em Julho, de 6 a 16, foi o momento de visitar os centros de Ondjila e Cambinda, zonas mais interiores em que é complicado circular no tempo das chuvas e por isso aproveitamos a "gravana" para estas visitas.
Durante aqueles dias foi possível reunir com o "ondjango" - o Conselho do centro, visitar doentes nas suas casas, acolher 7 mais velhos ao Baptismo, visitar a pé os bairros do Pumo, Jamba e Bende, reunir com os membros dos movimentos apostólicos, reunir com os jovens, fazer palestras nos bairros sobre a saúde preventiva e os problemas que preocupam os membros desses bairros, atender de confissão, celebrar a missa, cantar com as crianças...
Estas visitas são sempre uma lufada de ar fresco para as comunidades e mesmo para a Equipa Missionária. Estar mais perto do povo, ir às casas, viver nos bairros... É um dos sinais de proximidade que conseguimos realizar.

De 20 a 22 do mesmo mês foi a oportunidade de acolher o nosso Bispo D. Luzizila Kiala em visita pastoral ao Gungo. Durante esta visita foram realizados encontros de crianças em que os mais pequenos fixaram a mensagem de que: "a criança escuta, aprende e ensina"; no encontro dos jovens o Sr. Bispo recordou o tema para este ano pastoral 2018: "Jovem, quero ficar em tua casa"; e no encontro com os adultos ficou o Lema: "juntamente com os jovens levemos o Evangelho a todos". 
Durante esta visita foram crismados 89 cristãos que diante do Sr. Bispo assumiram a sua maturidade cristã. Alguns já com idade um pouco avançada, mas todos com disponibilidade para acolher o "Espírito Santo Dom de Deus".
No rescaldo desta visita, o Gungo ficou animado e já encontrámos o resultado das catequeses do Sr. Bispo na visita aos centros do Longundo e Caponte que ocorreu entre 27 de Julho e 6 de Agosto. Mais uma vez, aproveitando o tempo seco para circular. Desta vez rodámos à volta do Gungo para aceder às áreas onde não conseguimos "atravessar o Gungo" com o carro. Nestes dois centros fizemos um programa semelhante com reunião dos vários conselhos, visita a alguns bairros, reunião de vários grupos com debate dos problemas que "complicam" a vida das pessoas.
A nossa presença é um sinal que vence o isolamento e permite que a estes povos chegue a Palavra de Deus, e também um sinal de esperança, porque sentem que não estão esquecidos e que alguém se interessa por eles. Fazemos sempre questão de frisar que não somos nós mas Deus que nos envia que nunca se esquece dos seus filhos.
Com a ida da Equipa e todos os conteúdos espirituais e as celebrações que alimentam a alma vão também os medicamentos, a roupa... organiza-se uma passagem do camião para lhes levar, brevemente, algumas mercadorias.
Estamos agora de partida para visitar mais um centro: o centro do Culembe. E nos dias 18 e 19 vamos peregrinar à capela da Pedra Gonga onde vamos celebrar a Assunção de Nossa Senhora. É mais um encontro da comunidade para reforço da fé mas, ao mesmo tempo, são reforços para a vida de cada dia.
Boa missão a todos!

sexta-feira, agosto 03, 2018

Jornadas Missionárias 2018



Nos dias 15 e 16 de setembro, realizam-se em Fátima, no Seminário do Verbo Divino, as Jornadas Missionárias 2018, subordinadas ao tema EU SOU MISSÃO.

Nestas Jornadas procuramos sair do eu e ir ao nós, da simples relação à partilha, da autorreferencialidade à alteridade. Fomentar a procura, o sentido e o encontro, a empatia e não entorpecer o diálogo. Que fluam as perguntas e as respostas. Ser livres e responsáveis nas conexões e desconexões, nos encontros e desencontros. Integrar as diferenças de todo o tipo. Fazer resplandecer a maturidade e a simplicidade.
Queremos ser missão, escutando o que o Espírito nos diz a todos aqui e agora, discernindo os sinais dos tempos, anunciando com valentia Jesus Cristo vivo no meio de nós. Tudo isto requer sagacidade, audácia e métodos criativos para não nos perdermos nos meios e conseguirmos o nosso objetivo: anunciar com a vida e com as obras o Reino de Deus.
O ser missão faz de nós buscadores e testemunhas do essencial.  Pe. António Lopes, SVD – Diretor Nacional das Obras Missionárias Pontifícias (OMP)


Para aceder ao programa, clique aqui.
Inscrições aqui.
Data limite de inscrições: 7 de setembro


Continuação de boa MISSÃO! 

quinta-feira, julho 26, 2018

Ide por todo o mundo...

«Ide por todo o mundo…». Foi este o cântico de fundo da celebração que enviou 3 leigos do Grupo Missionário Ondjoyetu para o Sumbe, em Angola, e 11 membros para Figueiró dos Vinhos, onde se realizará de 11 a 19 de agosto a habitual missão anual das férias de Verão.

Porque é que Jesus enviou os discípulos dois a dois? Segundo São Gregório Magno, há uma razão simbólica: os discípulos são enviados dois a dois porque dois são os mandamentos: amar a Deus e amar o próximo. Poderemos acrescentar uma outra razão: onde estiverem, pelo menos, dois discípulos juntos em nome de Jesus, é o próprio Jesus que está no meio deles (cf. Mt 18, 20). Isto significa, então, que onde estão dois discípulos estão três pessoas. Eis uma imagem da Santíssima Trindade em cada comunidade humana!

O dia 13 de julho foi um dia muito significativo para a Diocese de Leiria-Fátima, pois, além do aniversário da dedicação da Sé Catedral de Leiria, realizou-se a celebração de Ação de Graças pela nomeação cardinalícia de D. António Marto, bem como o envio missionário do Grupo Ondjoyetu.

Assim, despojado de preconceitos e com vontade de escutar e ajudar, o grupo missionário vai sair para as periferias, levando apenas o “cajado, alforge e as sandálias”. Ser missionário é um dever de todo o cristão. “Somos voluntários de esperança dispostos a espalhar sementes de amor e muita paz”. Rezemos por todos os enviados.
Amélia Moura



Rito de envio - ao minuto 01:26:45

terça-feira, julho 10, 2018

Curso de Missiologia 2018

De 27 de agosto a 1 de setembro de 2018, vai realizar-se em Fátima mais um Curso de Missiologia promovido pelos Institutos Missionários Ad Gentes (IMAG) com o apoio das Obras Missionárias Pontifícias. Esta formação visa a qualificação do missionário e, consequentemente, da Missão. O curso é bienal, correspondendo o ano de 2018 ao 1.º ano do ciclo. A inscrição é arbitrária quanto à ordem, 1.º ou 2.º ano. O diploma obtém-se após a frequência dos 2 anos.

Objectivos
- Apresentar as bases bíblico teológicas da missão ad gentes;
- Repensar a missão à luz do Vaticano II e dos documentos recentes do Magistério;
- Percorrer as etapas mais importantes da história da evangelização e da reflexão missiológica;
- Apresentar exemplos concretos da práxis missionária actual e preparar para os desafios da inculturação e do diálogo do Cristianismo com outras religiões.


Temas & Docentes
- A Missão em S. Paulo - D. António da Rocha Couto
- A Evangelização na Época dos Descobrimentos - Pe. David Sampaio Barbosa
- Interculturalidade - Dra. Diana Vallescar Palanca
- Missão e Comunicação - Dr. Joaquim Franco
- Evangelização na Exortação Apostólica A Alegria do Evangelho - Dra. Teresa Messias
- Tertúlia missionária - vários intervenientes

Data
27 de agosto a 1 de setembro de 2018

Local
Centro Missionário Allamano - Missionários da Consolata, em Fátima

Inscrições & Informações
Online: clique aqui
Telefone: 249 539 430
E-Mail: cursomissiologia@gmail.com

Valor da inscrição
20€

Data limite de inscrições
17 de agosto de 2018

domingo, julho 08, 2018

Envio missionário

Saudações missionárias!
Na próxima sexta-feira, dia 13 de julho, às 21h00, na Sé de Leiria, irá realizar-se o envio dos missionários Ondjoyetu que partirão em outubro para Angola e dos que realizarão a habitual missão anual nas férias de Verão.

Apresentamos a seguir os seus nomes e respectivas paróquias:

Missão em Angola (partida em outubro) e Figueiró dos Vinhos (missão de 11 a 19 de agosto):
Carlos Santos - Regueira de Pontes 
Sílvia Antunes - Souto da Carpalhosa 
Vanda Marques - Minde 

Missão em Figueiró dos Vinhos:
Alexandre Moreira - S. Romão e Guimarota
Amélia Moura - Leiria
António Canhoto - Golpilheira
Armando Franco - Barreira
Emanuela Dias - S. Romão e Guimarota
Humberto Ribeiro - Santa Catarina da Serra
José Marrazes - Marinha Grande
Júlia Canhoto - Golpilheira
Maria do Rosário Ascenso - Marinha Grande
Ir. Nancy Casas - Marinha Grande
Pe. Joaquim Luís - Fátima

O rito de envio dos nossos missionários será integrado na missa de aniversário da Dedicação da Catedral de Leiria, sendo a celebração eucarística presidida pelo bispo D. António Marto, que foi recentemente elevado ao cardinalato.
Esta é uma oportunidade para reunirmos a família Ondjoyetu e vivermos juntos a alegria do envio de mais trabalhadores para a messe. Convidamos também todos os nossos amigos e benfeitores a estarem presentes e unidos a esta celebração.

P.S.: pede-se aos membros Ondjoyetu que levem vestida a t-shirt oficial do Grupo (de cor azul escuro).

O que te fez também sabe o que quer fazer contigo. Santo Agostinho
Estamos juntos!

sexta-feira, junho 29, 2018

Jornal Ondjoyetu N.º 42

Saudações missionárias! Vimos por este meio fazer chegar a edição N.º 42 do jornal Ondjoyetu. Para aceder ao jornal digital, clique, por favor, na imagem ao lado.

Devido a várias condicionantes (cf. artigo "Novamente o jornal", in Jornal Ondjoyetu n.º 42, pág. 2), o jornal do grupo missionário já não se publica há mais de dois anos. E, por isso, pedimos as nossas sinceras desculpas. Mas aí está ele de novo. E, para já, com periodicidade quadrimestral até conseguirmos passos firmes que permitam uma periodicidade trimestral ou até mesmo bimestral, como era característico do jornal. Cabe a cada um de nós dar-lhe a continuidade que merece e a alma de que precisa. Com a ajuda de Deus e com o pouco de cada um dos membros Ondjoyetu, conseguiremos que esta publicação tenha a continuidade que deve ter como meio evangelizador, mas também como instrumento de divulgação da missão em Angola e em terras de Portugal. Assim seja.
A todos os Mil & Tal Amigos, um profundo TWAPANDULA TCHIWA.
MUITO OBRIGADO por continuarem a caminhar connosco.
Abraço fraterno!

O Grupo Missionário Ondjoyetu

segunda-feira, junho 25, 2018

Elsa Pedro e Susana Querido - entrevista na Rádio Renascença

As nossas missionárias Elsa Pedro e Susana Querido (na foto, da esquerda para a direita) foram entrevistadas no programa Porta Aberta da Rádio Renascença. Para ouvir a entrevista, clique, por favor, na seguinte ligação: