sábado, dezembro 29, 2007

Festa do Natal

Olá amigos. Em primeiro lugar, cumprimentos da "Linha da Frente". Há dias falei com eles ao telefone. Regressaram ao Sumbe na quarta-feira. o trabalho, desta vez na Chipinga, correu bem. Os nossos amigos, graças a Deus, continuam de saúde e bem animados. Não dão notícias neste blog porque há problemas com a energia e a linha de Internet. Agora, até dia 3, vão estar pelo Sumbe; depois irão de novo para o Gungo para mais uma etapa de trabalho missionário, até dia 17 de Janeiro. Pelo que me disseram, o Natal na Chipinga foi muito genuíno, muito Natal mesmo, porque sem os "acessórios" que nós aqui temos, ficou mesmo pelo essencial. O grupo da recta-guarda continua animado. Ontem, dia 28 de Dezembro, tivemos o nosso jantar e convívio de Natal. Esteve muita gente e foi muito bom estarmos assim juntos em festa; também pudemos ter conversas mais pessoais e informais, o que noutras alturas nem sempre é possível. É evidente que tivemos bem presentes os nossos amigos que estão em Angola. O encontro começou com a celebração da missa na igreja de Regueira de Pontes. Depois fomos para o salão e lá partilhámos o nosso jantar. Cada um levou um presente, muitos deles feitos pelos próprios ofertantes e alguns até alusivos ao nosso grupo missionário. Cada um recebeu e ofereceu um numa dinâmica muito animada. Assim celebrámos o Natal. A festa foi tão boa que só acabou hoje. No fim houve a tradicional foto de família. Agora que nos preparamos para entrar no novo ano, fazemos votos de que ele seja muito bom Cumprimentos. Estamos juntos. P. Vítor Mira

quarta-feira, dezembro 26, 2007

Parabéns Opatele!

Parabéns a você, nesta data querida, muitas felicidades, muitos anos de vida! Como há um ano, dou graças hoje pela sua tua vida Opatele! Que a graça de Deus continue a revelar-se na tua vida. Muitos beijinhos, estamos juntos* Duas fotos de há um ano:

segunda-feira, dezembro 24, 2007

Santo e Feliz Natal 2007

Boa tarde amigos. A minha primeira palavra vai para a equipa da Linha da Frente que está no Gungo, mais concretamente na Chipinga, a celebrar o Natal com o povo do Gungo. Embora só venham a ter contacto com esta mensagem depois do dia 26, o meu pensamento e oração vai para eles e povo que acompanham: que tenham um Natal muito feliz, mesmo que seja com um grande despojamento de tudo o que nós aqui temos. Afinal, talvez seja assim que mais se sente o Natal. Mas também quero saudar todos os que acompanham este projecto missionário através deste blog e todos aqueles que têm tornado possível este mesmo projecto com a sua oração, apoio moral e material. Um grande bem-haja a todos. Votos de Santo e Feliz Natal com as maiores bênçãos do Deus Menino. Na imagem está o presépio que as missionárias leigas fizeram o ano passado na Donga: pedras, paus, capim e um trapinho. Mas é presépio. Um abraço para todos. P. Vítor Mira

domingo, dezembro 23, 2007

Merry Christmas!

Olá amiguinh@s, daqui dos EUA mando um grande beijinho, cheio de neve :P, à nossa linha da frente na Missão e à nossa linha de trás :P deve ser assim que somos chamados nós, os que não estamos na linha da frente... ou então os da linha de base :) Aqui vou deixo uma foto deste meu Natal gelado, em tudo oposto ao Natal do ano passado, excepto em Cristo que de novo de dispõe a nascer por Amor! Muitos beijinhos, estamos juntos* Tchauéééééé!!

quarta-feira, dezembro 19, 2007

Santo Natal

FELIZ NATAL A Equipa Missionária presente em Angola deseja a todos aqueles que nos visitam e acompanham neste espaço um Santo Natal e um ano de 2008 cheio de bênçãos de Deus e de vontade de entrega aos outros. Quanto a nós, iremos para a Chipinga, dia 20, celebrar o Natal e fazer algum trabalho missionário com as pessoas que puderem descer até lá. Voltaremos no dia 26 de Dezembro. Por todas as ajudas materiais, orações e união espiritual deste ano que Deus vos recompense. Da nossa parte continuaremos a rezar pelos nossos benfeitores e a contar com todos como os amigos da Missão que querem fazer do mundo ONDJOYETU (a nossa casa). Lalipochiwa (fiquem bem!)

sexta-feira, dezembro 14, 2007

A marcha continua

video Olá, bom dia. Aqui está mais outro pequeno episódio da marcha para a missão. Boa preparação do Natal e cumprimentos. P. Vítor Mira

quinta-feira, dezembro 13, 2007

Outro episódio

Olá. Acompanhamos a Linha da Frente nas idas para o Gungo a pé. O jipe chega até à antiga ponte do Gundo, que agora já não existe. Daí para a frente é a pé com a carga à cabeça, com a ajuda da comunidade como já vimos. Aqui fica mais este episódio, de Agosto, mas que retrata o que se passa agora. Cumprimentos a todos. P. Vítor Mira video

quarta-feira, dezembro 12, 2007

O apoio da comunidade

video Olá de novo. Aqui está a continuação do filme cuja exibição já iniciámos. Seguir-se-ão outros episódios. Cumprimentos. Linha da Frente, continuamos convosco. P. Vítor Mira

terça-feira, dezembro 11, 2007

Notícias da Missão

Olá amigos visitantes. A Linha da Frente já regressou do Gungo onde esteve de 26 de Novembro a 10 de Dezembro. Mas quando chegaram ao Sumbe não havia net na cidade e por isso não puderam "postar". Mas deram notícias via telemóvel. A missão na Chitunda correu muito bem, graças a Deus. "Cuiou bué", disseram eles, sempre animados. Agora estão em Malange onde foram participar na celebração da presença de cinco congregações de irmãs mexicanas em Angola. Entretanto, para termos uma ideia de como se faz a Missão, aqui fica mais um pequeno filme que mostra como se chega às aldeias do Gungo a partir da ponte do Gundo. Desta vez foram uns 20 km. a pé até à Chitunda. Continuemos com eles. Um abraço para todos. P. Vítor Mira video

terça-feira, dezembro 04, 2007

Presentes Solidários 2007 da FEC

Olá. O Natal aproxima-se e com ele muitas campanhas de solidariedade. Também a FEC (Fundação Evangelização e Culturas) que dá muito apoio ao voluntariado laical e também ao nosso Grupo Missionário Ondjoyetu, lançou uma campanha intitulada "Presentes Solidários". No site www.fecongd.net está tudo bem explicado e podemos ficar informados como aderir a esta campanha. Atenção, que é só até dia 10 deste mês. Aqui fica mais este desafio e os nossos cumprimentos. P. Vítor Mira

quarta-feira, novembro 28, 2007

António, o emigrante de sucesso, - II

Olá. Ainda se lembram do António Batata. Pois, ainda não tinha acabado a história dele. Então aqui fica o resto do que eu queria contar. É que muito mais haveria para dizer... mas agora ficamos por aqui. Dizia eu que logo que recebeu as botas e o casaco os usou durante um bocado de tempo, conforme se vê na imagem, apesar do calor. Com o dinheiro que recebeu comprou, entre outras coisas, um saco de arroz de 50 kg., uma caixa de esparguete, sabão e salsichas. Quando fomos ao Gungo, levámo-lo, bem como à sua preciosa carga, sem esquecer as botas e o casaco. Por lá ficou para umas mini-férias, pois havia muito tempo que estava longe da família. Quando regressou contou-nos a sua epopeia. Bem ao estilo africano, em pouco tempo distribuiu pelos familiares, vizinhos e amigos os bens que levara da cidade. Sim, que aquelas comidas são de cidade e quem chega ao Gungo com elas é visto como uma pessoa de sucesso, um emigrante que regressa e mostra o êxito da sua saída de um meio tão isolado e pobre. E então as botas e casaco… fizeram um verdadeiro furor entre a vizinhança. Ao retomar o trabalho o António tinha, em termos materiais, praticamente o mesmo que quando iniciou a primeira vez. Mas ele é que já era o mesmo para si próprio e para os outros. Agora, terminada a obra, é ele que fica como guarda da casa da missão quando a equipa missionária se ausenta para o Gungo. E os seus estudos, ainda que com alguma dificuldade, prosseguem. Cumprimentos a todos. P. Vítor Mira

domingo, novembro 25, 2007

Reunião de grupo

Neste sábado, 24 de Novembro o nosso grupo teve uma reunião importante. Felizmente esteve muita gente presente, conforme se pode ver na foto. Começámos por ser mais uma vez sensibilizados para a questão do Darfur e unimos-nos em oração a todos os que o fizeram numa corrente que foi criada. Tratámos de outros assuntos referentes à vida do grupo e foi lançado o trabalho de grupos com algumas questões relativas a opções de fundo. Agora cada grupo vai reunir no dia que entender melhor para reflectir sobre os assuntos propostos e depois dar a sua opinião. Também já ficou definido que artista irá actuar a festa que realizaremos no Centro Pastoral Paulo VI, em Fátima, no próximo dia 29 de Março de 2008. Sabem quem é? Ah, ah! Diremos numa próxima oportunidade. Queremos dizer à Linha da Frente que a tivemos bem presente no nosso encontro e oração final. Sabemos que amanhã, se Deus quiser, partirão para o centro da Chitunda, onde vão estar até dia 10 de Dezembro. Desejamos mais uma vez um bom trabalho e enviamos muitos cumprimentos à comunidade. Deste lado sempre vos acompanhamos com a nossa oração. Tchauéééé. P. Vítor Mira

quarta-feira, novembro 21, 2007

Notícias da Tuma

Saudações fraternas a todos, como já foi noticiado chegámos de mais duas semanas de missão no passado Domingo. A missão no geral correu bem. Fez-se alfabetização de adultos em duas turmas e o curso de culinária. Aqui fica já uma foto daquilo que se foi passando. Esta galinha deu a vida para ensinar a fazer arroz de cabidela. Na imagem aparecem dois catequistas: O José Severino Capoco (que depena alegremente a galinha) e o Sr Geraldo Passagem (que passa a receita). Também eles fizeram parte dos que quiseram aprender mais alguma coisa. Aprendeu-se a fazer doce de mamão e abóbora e também sopa de abóbora, entre outras receitas e deram logo a sentença: "os porcos vão deixar decomer mamão e abóbora. Agora já sabemos cozinhar..." Mais uma vez foi um tempo rico e produtivo. Sabe sempre a pouco. Quem vem à formação implora sempre que continuemos... E nós iremos continuando nesta missão. Nos próximos dias virão mais desenvolvimentos
Saudações fraternas a todos

terça-feira, novembro 20, 2007

Expedição à Donga-2

Olá. Cá estou de novo. Ontem à tarde estava a falar com uma pessoa e a dizer-lhe que os nossos missionários deveriam estar a chegar do Gungo. Logo a seguir toca o telemóvel e deixa de imediato de tocar: era o número do nosso grupo em Angola a dar sinal para eu ligar para lá. Tinham mesmo acabado de chegar e queriam trocar umas impressões. Tudo bem com eles, graças a Deus. O trabalho na Tuma correu bem, e aquela que tem sido uma comunidade algo problemática, dá sinais de esperança. Uma das novidades é que já temos um habitante para o curral que fizemos junto à nossa casa: uma senhora ofereceu um leitão à equipa missionária. Ainda não veio para casa, mas faltará pouco. Parece que também já há umas couves na nossa horta. Entretanto, fica mais um pequeno vídeo da preparação da expedição à Donga. Estamos juntos. P. Vítor Mira

video

domingo, novembro 18, 2007

Há um ano foi assim

Boa tarde amigos. O padre David faz hoje seis anos de ordenação sacerdotal. Por isso está de parabéns. Não esquecemos a data e por isso rezamos por ele de uma forma especial neste dia. Há um ano a data também não foi esquecida. Estava de partida para a Donga, onde foi, com o Sr. Rui, fazer as obras de recuperação da antiga casa da missão. Aqui fica um pequeno vídeo para que vejam como foi há um ano. Cumprimentos a todos e as boas vindas à equipa que, se Deus quiser, regressa hoje do Gungo, onde esteve quinze dias em trabalhos com a comunidade. P. Vítor Mira video

sábado, novembro 17, 2007

António, o emigrante de sucesso, - I

Mais umas linhas da história do nosso amigo António. Como já disse, o António foi o melhor dos nossos trabalhadores. Não tanto pela qualidade do que fazia, pois vinha do campo e não estava habituado ao tipo de trabalho e construção que a nossa obra exigia, mas principalmente pela sua atitude sempre disponível e voluntariosa. A determinada altura foi preciso aprofundar a vala de drenagem da zona dos tanques de água. A retroescavadora abriu a vala, mas não chegou a profundidade necessária. Ainda contactámos uma empresa que tinha uma giratória, mas levava 200 dólares à hora, o que seria um custo elevado e não previsto. Perguntámos por isso ao António se ele podia fazer aquele trabalho. O seu “siiiiim” foi imediato: “eu vim para aqui para ajudar a missão”. Logo lhe garantimos que além do que estava combinado, iria receber uma recompensa extra devido à dureza do trabalho que tinha pela frente. E, de facto, deu pena ver o António com a picareta, a marreta, a pá, a enxada, os ponteiros de ferro grosso a trabalhar com tanto calor naquele buraco que ficou com 2,60 de profundidade. Ele, que é negro, saía de lá todo branco do pó que provocava o seu trabalho. Que duras pedras ele teve que partir para conseguir cumprir a tarefa que lhe estava confiada. Ao fim de alguns dias o trabalho estava realizado. Entretanto, chegou o fim do mês e por isso pagámos ao nosso amigo o que estava combinado. Mas além disso, ainda lhe oferecemos um bom casaco e umas botas novas. A oferta deixou-o deslumbrado com um sorriso bem rasgado de espanto e gratidão. Mesmo com o calor que estava, as prendas foram logo estreadas e usadas com satisfação. A história continua. Cumprimentos. P. Vítor Mira

quinta-feira, novembro 15, 2007

Partilha...

Li e gostei, por isso, estou a partilhar... "Eu não sou nada. Ofereci-me a Jesus, e então Jesus fará em mim o que quiser, desejando eu ser como uma criança nas mãos de Deus e seguir as Suas inspirações!" (Teresa de Saldanha)

quarta-feira, novembro 14, 2007

O António em acção

Bom dia amigos cyber-visitantes. Temos andado a falar do António Batata, o nosso caseiro. Aqui fica um pequeno filme em que ele está a trabalhar com a picareta. Lembro que os nossos missionários da Linha da Frente estão no Gungo (Tuma), de onde devem regressar no próximo domingo, se Deus quiser. Continuemos a tê-los presentes na nossa oração. Cumprimentos. P. Vítor Mira video

quinta-feira, novembro 08, 2007

António, o ajudante das obras

Continuamos a saga do António Batata. Quando em Agosto de 2006 a equipa missionária foi apresentada à comunidade do Gungo, o António disse logo que queria ser o guarda da nossa casa, na cidade. Assim podia conjugar esse desejo com o de estudar um pouco mais, uma vez que na sua terra natal isso não lhe era possível por não haver escola. Como primeiro era necessário construir a tal casa, logo se disponibilizou para fazer parte da equipa de obras. Em Setembro o António foi connosco para o Sumbe. A sua primeira tarefa foi a de guardar o estaleiro das obras à medida que lá se iam colocando os materiais de construção. Com a chegada dos empregados do Sr. Rui Quinta, que dormiam no local da obra, o nosso amigo passou a alojar-se em casa da família, ficando assim disponível para trabalhar durante o dia. Ficaram bem registados em nós os seus “siiiim”, com uma musicalidade muito própria, logo que lhe pedíamos alguma coisa. Sempre bem disposto e disponível para todos os serviços, o que chegou a levar os colegas de trabalho a tentarem sobrecarregá-lo ainda mais. A sua colaboração também foi muito importante como elo de ligação aos outros colaboradores e foi ele que nos ajudou quando houve tentativas de desvio de alguns materiais. De todos os trabalhadores angolanos foi o único que esteve connosco do princípio até ao fim da obra. E agora é ele que fica a viver na nossa casa quando a equipa missionária se ausenta para o Gungo em trabalho com a comunidade por períodos de duas semanas. A história continua... P. Vítor Mira

quarta-feira, novembro 07, 2007

terça-feira, novembro 06, 2007

António, o fazedor de batuques

Olá amigos. De Angola não podemos esperar notícias dos nossos amigos da Linha da Frente nos próximos dias; foram para o Gungo, aldeia da Tuma, no passado sábado e por lá vão ficar durante duas semanas. Mas o nosso blog continua vivo. Hoje quero falar-vos do António Batata que vemos na imagem com os voluntários do Projecto ASA 2004. Os socaios (à esquerda) e batuques que vemos na imagem foram feitos por ele. Esses instrumentos foram a grande recordação que os voluntários dos anos 2003 a 2005 trouxeram do Gungo. O mais interessante é que de ano para ano foi havendo uma evolução e a qualidade dos batuques foi sempre subindo. Mas a história do António continua. O resto fica para a próxima. Um abraço para todos os que nos acompanham e visitam neste espaço. P. Vítor Mira

terça-feira, outubro 30, 2007

Dia do Voluntariado Missionário!

Este domingo o nosso grupo esteve presente no Dia do voluntariado missionário em Aveiro. Foi um encontro marcado pelo convívio entre jovens que chegaram de missão, jovens que se preparam para partir para missão e por todos aqueles que pertencem a grupos missionários e que, pelo apoio que dão, tornam possível a concretização da missão. A tarde foi dedicada à divulgação de cada um dos grupos missionários e a um passeio de moliceiro pela ria de Aveiro para assim divulgar os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM). Ficam algumas fotos do nosso grupo, neste dia marcado pela missão. Muito obrigado a todos os que participaram neste dia, pela partilha, pelo convívio e muito boa sorte para a missão que vos foi confiada. Para o grupo da linha da frente bom trabalho… Estamos Juntos***

terça-feira, outubro 23, 2007

A nossa Biblioteca!

Queriam que eu falásse do b a ba... pois para isso vão ter de conhecer a nossa fantástica biblioteca!
Sim, é verdade... já está montada!
Primeiro o Padre David arranjou umas tábuas que foram aplainadas e fixadas. Depois eu e ele, lixamos tudo muito bem para n estragar os livros.
De seguida, eu e as manas, enquanto o Sr. Padre se dedicava a outros afazeres, transportamos todos os livros do armazém da caritas para a casa nova!
Depois de trazer tudo, limpamos e arrumamos tudo muito direitinho.
Vejam lá se não ficou bem??!! Talvez esteja por ai algum exemolar que enviaram... Muito obrigada a todos!! Ondjoyetu já tem biblioteca!

segunda-feira, outubro 22, 2007

finalmente as fotos :)

Ups... tive um problemita aqui com as fotos. Agora é que elas vão! xauééé

Novidades

Olá a todos! Depois do primeiro período de 15 dias que passamos no Gungo (Centro do Kubal 6 pontes) aqui vão algumas notícias do que se viveu por lá. Iniciamos as nossas formações de alfabetização no período da manhã e culinária no período da tarde. Fizemos 3 grupos de formação na alfabetização, eu desta vez fiquei com o grupo dos avançados (o equivalente à 4ª classe). Tinha 11 alunos com idades entre os 18 anos e +/- 55 anos. Como tínhamos pouco tempo para trabalhar tantas coisas diferentes, decidimos trabalhar alguns problemas de Português mais flagrantes, a leitura e a escrita. Foi muito giro! Uma experiência inesquecível!É incrível a vontade que eles têm de aprender… é pena só termos estado 15 dias! No último sábado que estivemos naquele local fizemos uma festa final onde o grupo da culinária se fartou de trabalhar para preparar os comes e bebes. Matámos um cabrito, fizemos 20 kg de arroz branco, arroz doce, paracuca, banana frita, pataniscas… correu muito bem. Tínhamos sempre 3 fogueiras acesas (como é obvio não tínhamos fogão). O mestre cozinheiro Alberto inicialmente estava bem nervoso, mas com o avançar da situação ficou bem mais calmo porque os seus alunos se portaram realmente bem. Os vários grupos de alfabetização também fizeram pequenas apresentações que foram preparando ao longo dos dias. Deixo aqui algumas fotos das nossas salas de aulas tão particulares e do meu grupo de alunos depois de fazerem o seu teatro na festa de encerramento. Depois dos 15 dias de formação tivemos de voltar para o Sumbe. Ficou a promessa de voltarmos mais tarde para dar continuidade aos trabalhos que realizamos. Esta semana passada, ficámos pelo Sumbe a organizar a próxima formação e a dar continuação a alguns trabalhos na nossa casa, como por exemplo organizar a nossa biblioteca que ficou bem bonita. Por agora é tudo. Mil beijinhos a todos. ESTAMOS JUNTOS

domingo, outubro 21, 2007

Apresentação do Grupo Ondjoyetu

Olá a todos. Para ver melhor o cartaz e o seu conteúdo basta clicar duas vezes sobre ele. Cumprimentos. P. Vítor Mira

quinta-feira, outubro 18, 2007

Mais um vídeo

video Olá a todos. Os nossos missionários da Linha da Frente já regressaram de 15 de dias de Missão. Já deram "sinais de vida" e esperamos que nos contem mais pormenores neste mesmo espaço. Mas enquanto isso não acontece aqui fica mais um pequeno vídeo da descarga do contentor, que aconteceu a 21 de Setembro do ano passado. Em tudo aquilo que está a sair está o trabalho de muitos de nós e só graças a isso é possível a nossa equipa missionária estar na fase de trabalho em que se encontra. Valeu a pena. Mais uma vez, parabéns a todos e obrigado. P. Vítor Mira

segunda-feira, outubro 15, 2007

Mais histórias da linha da frente

Olá a todos os que no seguem dos mais variados modos,
Nós por cá estamos de regresso de 15 dias de missão no Cubal Seis Pontes e Uquende. O grosso da missão foi desenvolvido no Cubal com formação nas áreas de culinária e alfabetização. No Uquende o trabalho foi em, 4 dias, a colocação do telhado na casa que este centro construiu para acolhimento da equipa missionária e dos catequistas quando aí se reúnem.
Contarei as peripécias da preparação e colocação do telhado nos dias em que me desloquei ao Uquende, as "manas" contarão as "suas" histórias: A Sónia pode contar a história de uma espera de 7 horas sem nehum livro para ler ou caderno para escrever; a Sara poderá dizer-vos como ensinar que não se diz "mais maior"; a Lina pode partilhar como foi ensinar ou relembrar o "B" "A" BA; eu poderei depois ainda dizer como acompanhei alguns alunos da iniciação. As tardes eram dedicadas à culinária e Poderão saber como correu essa formação como os papás perderam o medo das panelas...
Da culinária envio já uma foto do Tio Filipe um dos formadores da "Escola da Missão". Ele faz milagres com os poucos ingredientes que lhe são dados

Um abraço a todos e o tradicional: Tchauê!

P. S. Não Nos esquecemos que hoje faz um ano que o Sr Rui chegou ao Sumbe e foram feitos os primeiros blocos para o muro de vedação da nossa casa. É uma casa muito engraçada...

P. David

sexta-feira, outubro 12, 2007

De regresso...

Pois é amigos, já há quase 3 semanas que regressei ao lado de cá da missão, parece que ainda foi ontem que saí de lá. Ao longo destas semanas fui cada vez mais notando que vão faltando palavras para descrever 2 meses de missão. Parece pouco tempo mas lá e tudo tão intenso! Durante estes 2 meses estive, em conjunto com as outras manas, a dar diversas formações às mamãs, aos jovens e às crianças, enquanto que o Pe David ficou responsável pela formação aos catequistas. Se valeu a pena? "Vale sempre a pena quando a alma não e pequena!". Valeu a pena não só por aquilo que fazemos mas pela forma como o fazemos! Pelo amor que colocamos em cada coisa, pelo testemunho de fé e de esperança que representamos para aquele povo que vive tão isolado. Agora resta-me acompanhar a equipa deste lado de cá. Continuem com essa força e essa alegria que tanto vos caracteriza. Um grande beijinho para toda a equipa da linha da frente e para todo o povo do Gungo* Estamos Juntos***

Mais uma casa

Bom dia cyber-amigos. Pois é, mais uma casa que o nosso grupo vai ter. Não é por acaso que se chama "Ondjoyetu" (A Nossa Casa). Desta vez é na aldeia Uquende, que vemos na imagem. Passo a explicar melhor. O Gungo é uma comuna com mais de 2.100 km2 e para cima de 100 aldeias dispersas por aquelas belas montanhas. A equipa missionária não vai a todas as aldeias porque algumas têm até muito poucos habitantes. Mas há algumas que são de referência e é nelas que se concentram as pessoas que desta forma se juntam à equipa missionária que está com elas. Por exemplo, da última vez que a equipa missionária foi à aldeia do Uquende ficou lá 15 dias e teve que ser alojada numa casa emprestada. Foi por isso que a comunidade achou melhor fazer uma casa neste centro para acolher a equipa missionária. É um objectivo que já vem do ano passado e que só neste foi possível concretizar. É evidente que é uma casa feita com os recursos lá existentes e por isso idêntica à das pessoas que ali habitam. A única diferença está na chapa de cobertura que ainda é da que foi nos contentores o ano passado. Constava do programa destes 15 dias uma ida do P. David até ao Uquende para proceder à aplicação da mesma chapa. É mais um importante apoio no trabalho missionário que se está a desenvolver. Já agora informo que a casa fica lá ao fundo onde na foto se vê um pequeno círculo oval. É junto à capela da comunidade que esta coberta com telha de zinco oferecida pela paróquia de Ourém em 1994. Cumprimentos a todos. P. Vítor Mira

quinta-feira, outubro 11, 2007

Por onde andam eles?

Bom dia. O nosso blog tem estado muito "parado", não é? Pois, os nossos amigos da Linha da Frente foram para o Gungo e lá não existem estes meios para comunicar. Pedimos a Deus que tudo esteja a correr bem com eles e desejamos que nos tragam boas notícias acerca do trabalho realizado. Mas para onde foram? Novamente ao Kubal Seis Pontes que ainda é uma das zonas mais acessíveis do Gungo. Para lá chegar é preciso percorrer cerca de 65 km. de asfalto e depois mais 40 de picada. É um centro muito acolhedor que fica junto ao rio Kubal e no sopé de umas imponentes montanhas. Aqui fica uma imagem. Ao que sabemos, foram dar alguma formação nas áreas de alfabetização e culinária e ainda formação aos catequistas. O P. David ainda terá ido fazer também um outro trabalho. Mas sobre isso falaremos depois. Por agora são estas as notícias que queria transmitir-vos. Cumprimentos e continuemos unidos aos nossos missionários P.David, Sónia, Lina e Sara. P. Vítor Mira

terça-feira, outubro 02, 2007

Outros filmes

Olá ciber-amigos. Depois dos filmes, que espero não vos tenham cansado, quero falar-vos de duas coisas: * No próximo sábado, às 21:15 h., no centro pastoral Regueira de Pontes, faremos a apresentação do nosso grupo missionário Ondjoyetu para pessoas que queiram conhecer melhor a sua história, o que está a fazer e quais os projectos para o futuro. Quem quiser pode vir só para conhecer o grupo, quem desejar, também se pode integrar nele. * Também queremos informar que estamos a iniciar um ciclo de formação para pessoas que se interessem pela temática missionária. Está integrado na escola diocesana "Razões da Esperança", que funciona no edifício do Seminário Diocesano, em Leiria, às terças-feiras, de quinze em quinze dias, das 21:00 h. às 23:00 h. Na primeira hora funcionam duas turmas: "Ler o Antigo Testamento Hoje" e "Igreja e Missão". Na segunda hora há vários grupos e o da temática missionária é um deles. Como ainda estamos a começar, quem quiser pode ir na próxima terça-feira. Depois diremos quais são os dias seguintes de encontro. Cumprimentos a todos e continuem connosco. P. Vítor Mira

6º Episódio - Descarga da primeira caixa

Olá. Agora não vos dou descanso. A saga da descarga continua. Como se pode ver, tudo o que enviámos chegou ao seu destino. A reportagem ajuda a perceber a emoção com que tudo foi recebido. Até... e cumprimentos a todos. P. Vítor Mira video

segunda-feira, outubro 01, 2007

5º Episódio - Finalmente, a abertura. Uau!!!!

Olá amigos(as). Continuando a nossa "novela"... aqui vai mais um episódio. Finalmente, a abertura. Estávamos a ver que não. É que também não foi tão fácil como isso! Pobre machado. É verdade, recordo que hoje é o dia de Santa Teresinha do Menino Jesus, padroeira das Missões. Ela disse que "no coração da Igreja, minha mãe, eu serei o amor". Cumprimentos. P. Vítor Mira video

4º Episódio - Marteladas para tirar o selo

video Olá. Ainda se lembram do que falamos? Estamos a acompanhar a abertura dos contentores em Setembro de 2006. Aqui vai o quarto episódio. Foi preciso dar umas boas marteladas naquele selo. Será que conseguimos? Veremos. Mas isto foi já há um ano. Neste momento os nossos amigos da Linha da Frente da nossa Missão estão Gungo. Foram para o Kubal Seis Pontes onde estarão 15 dias e também darão um salto ao Uquende para colocar o telhado de chapa (que foi no contentor o ano passado) na casa de adobes que acolhe a equipa missionária quando para lá se desloca. Rezemos por eles e no que fazemos por este projecto, sintamos-nos com eles. Cumprimentos. P. Vítor Mira

sábado, setembro 29, 2007

3º Episódio - Abertura do cadeado

Olá. Tínhamos prometido mais episódios mas, devido a "problemas técnicos", só agora é possível publicá-los. Aqui vai o terceiro com os nossos cumprimentos. Um abraço para todos, mas de modo especial para a equipa da Linha da Frente. P. Vítor Mira video

quarta-feira, setembro 26, 2007

Manos em Angola... alguns recados!

Ola amiguinh@s de todos os cantos do mundo! Eu tenho um recados pros amiguinhos de Angola... fez um ano no dia 22 deste mes que celebramos os anos da Irma Tita... comemos a nossa primeira lagosta angolana, lembram-se?!? Claro que o que vos quero pedir e que mandem um enorme beijo de parabens a querida Irma Tita (e se puderem mandem-me pro mail o endereco de email dela porque deixei o que ela me deu em Portugal :P muito inteligente). Outro aniversario e o dos votos da Irma Flora. Espero que esteja tudo bem com ela e quando a encontrarem mandem tambem os meus cumprimentos e desejos de felicidades. Achei que podia por estes recados aqui porque acho que os nossos amiguinhos de Portugal e do resto do mundo (eu so penso global agora :) ) vao gostar de saber dos aniversarios de alguns dos nossos melhores amigos angolanos. Beijokas a todos! Estamos juntos! Tchaueeeeeeee*

domingo, setembro 23, 2007

A Inês Pereira já regressou

Olá a todos. Para quem acompanha este blog, a Inês Pereira não precisa de apresentações. Chegou hoje de Angola muito bem disposta e trazendo consigo muitos cumprimentos da equipa missionária que lá ficará durante este ano e do povo do Gungo junto do qual esteve em missão durante estes dois últimos meses. Parece que a Inês traz mesmo o bichinho... aquele bichinho que quem por lá passou conhece bem. Obrigado Inês pelo teu testemunho e pelo tempo das tuas férias que deste à missão. Agora, muita força e coragem para o regresso às aulas. P. Vítor Mira

sábado, setembro 22, 2007

2º Episódio

Pois aqui está o segundo episódio da descarga dos nossos contentores. E foi mesmo no dia 21 de Setembro. Devido ao fuso horário, a última "posta" apareceu como publicada no dia 22, mas de facto ainda foi no dia 21 que a inseri. A descarga propriamente dia começará depois. Cumprimentos. P. Vítor Mira video

sexta-feira, setembro 21, 2007

Aqui vai o filme

Olá amigos e amigas. Pois é, como diz a Vera, faz hoje um ano que descarregámos os contentores que tinham sido enviados de Portugal. Como tenho as filmagens comigo lembrei-me de fazer uns pequenos filmes para mostrar como foi a quem não esteve lá. Quando vim para os colocar, aqui estava o "post" da Vera. Tivemos a mesma ideia de recordar a data. Pois bem, aqui fica o primeiro episódio. Poderão seguir-se outros. Cumprimentos a todos e "bebam" da emoção que vivemos naquele dia. P. Vítor Mira video

E faz hoje um ano que recebemos os contentores!

Oi amiguinh@s! Faz hoje um ano que estavamos bem contentes a descarregar o conteudo dos dois contetores que enviamos para Angola para os armazens da Caritas no Sumbe! Foi um dia muito emocionante! Nao so pelos contentores, mas tambem porque nesse dia comecou a terraplanagem do terreno que alberga agora a Ondjoyetu :) Felizmente agora os armazens da Caritas ja devem estar quase vazios, sinal de que a maior porte do que foi enviado de Portugal ja chegou ao seu destino!... A estrutura da casa e os materiais enviados ja estao praticamente todos nos seus respectivos locais e algum material tambem ja foi utilizado e vendido na missao. Ainda la devem estar uns bons caixotes para organizar e levar para a Ondjoyetu, mas disso falarao melhor os missionarios agora em Angola... O que dizem dai, esta quase tudo? ;) Quem quiser recordar o momento pode procurar nos nossos posts mais antigos porque acredito que deve haver alguma referencia... Eu ainda nao organizei por aqui o meu album fotografico digital... Esta tudo em CD's ainda!... Beijinhos a todos e forca e coragem para a Missao!

domingo, setembro 16, 2007

Eco das boas notícias

Olá amigo e amigas da Linha da Frente. Desta vez foi um jorro de novidades e fotos. Ainda bem. É sempre tão bom ter notícias vossas e tão agradável saber que estão bem. E a casa nova já está a ser habitada... que bom, que emoção, que alegria. O sonho torna-se realidade. Obrigado, muito obrigado a todos os que têm tornado tudo isto possível. Gostei também de saber das outras notícias, no aniversário da Sara, do futebol, de tudo. Nós por cá estamos a participar nas Jornadas Missionárias Nacionais. Estão a correr bem e constituem uma oportunidade de partilha e vivência do espírito de missão que se exprime de formas diversas, mas sempre marcado pelo mesmo desejo: levar Jesus a quem não o conhece. Muita coragem para continuar esse belo trabalho. Por aqui já nos vamos preparando para ir receber a Inês. falta uma semana que passará muito depressa. Um grande abraço para vós, cumprimentos às pessoas aí do Sumbe e, claro, um grande abraço para as do Gungo. Estamos juntos. P. Vítor Mira

sábado, setembro 15, 2007

Vai uma futebolada??

Olá Malta! Tudo em ordem?
Por cá a equipa missionária continua em forma!
Não estavamos satisfeitos com os 14 km de caminhada... pelo que desafiamos os catequistas para um jogo de futebol de 11...
ah pois é... contratamos umas raparigas que jogam como homens e assim formámos a equipa dos "pulancas", ou seja, as garotas angolanas (palancas) com o nome da selecção angolana, claro! e as manas portuguesas do puto! Bem, a mana Inês foi uma grande jogadora, conseguiu duas quedas equilibradas, uma sem bola e outra ao tropeçar na bola, foi fantástico, melhor que os trapezistas no circo sem rede!!!
A Sara estava imparável... sem bola conseguiu dar um chuto no pé do catequista Jorge!
A mana Sónia sempre para trás e para a frente, tão rápida na corrida, que a dada altura o adversário resolveu mesmo deitá-la por terra... Eu ainda fui à baliza no inicio, mas deixei o Sr. Padre marcar um frango e assim fui condicionada a jogar noutra posição.
Foi uma grande diversão para todos... até para o nosso árbitro de 75 anos, o Sr. Filipe (nosso cozinheiro) que tinha uma corneta do aniversário da Sara para apitar!!!
Os dois bandeirinhas, também foram incansáveis... o Sr. Alberto (cozinheiro) e o Professor Salomão, a quem confiamos as folhas de bananeira. Muito Obrigada!!!
As equipas, podem ver na foto... o resultado, esse fica para o próximo capitulo!! ;)
Viva os pulancas!!! (Portugal+Angola/Puto+Palancas- Pulancas!!)
Estamos Juntos!

Casa nova, vida nova!!

Olá amigos!! Notícias bem fresquinhas! Já mudámos definitivamente para a casa nova, esta foi a primeira noite e diga-se de passagem, foi mesmo boa, fez lembrar a nossa casa bem portuguesa. Obrigada a todos os que contribuíram para a construção desta casa, tem um bocadinho de todos vós. Aqui ficam algumas fotos recentes do nosso novo lar! Muitos beijinhos de toda a patrulha pipoca****

Um grande obrigada

Olá a todos! Antes de mais, aqui vai um muito obrigada a todos os que me presentearam com os parabéns no dia do meu aniversário. Foi um aniversário diferente, longe do meu país e de tanta gente que recordei com carinho. No entanto, foi um aniversário inesquecível, passado em terras do Gungo, onde a equipa missionária foi fantástica comigo. Acordei as 6h com a equipa missionária a tocar e a cantar os parabéns. Quando me levantei, tinha uma mesa recheada de balões, serpentinas, uma vela e um presente – uns fantásticos chinelos que para serem comprados obrigaram à deslocação a pé das manas uns míseros 14 km… são umas queridas :) Também houve bolo-pudim de aniversário (“cozido” em banho-maria no carvão), e como não podia faltar neste grupo, uma bela taça de pipocas. Estes foram alguns dos miminhos do meu dia de aniversário. Aos elementos da linha da frente o meu muito obrigada, e a todos os que embora não tenham passado comigo este dia estiveram no meu coração, nunca se esqueçam que ESTAMOS JUNTOS! Aqui ficam algumas fotos deste dia, desculpem os penteados…mas eram 6h da manhã…

sexta-feira, setembro 14, 2007

Ponte do Gundo

Na última "posta" o P. David falava da ponte do Gundo. Pois aqui está a famosa ponte. Também lhe chamávamos a "ponte dos engenheiros" pois pois cada pessoa que lá passa (nós, missionários ou os candongueiros, nome porque são conhecidos os comerciantes) costumava colocar os paus da maneira que lhe dava melhor jeito. Esta ponte agora não existe e foi por isso que os nossos missionários tiveram que ir a pé até ao Uquende, que fica a 14 km. Como a partir de Angola é mais difícil colocar fotos neste blog, mesmo a partir daqui as colocamos. E o Uquende, como é? Ficaremos a conhecê-lo para a próxima. Por agora um abraço para todos. P. Vítor Mira

terça-feira, setembro 11, 2007

Duas semanas no centro do Gungo

Olá amigos, Certamente estranharam o nosso silêncio. Estivémos durante duas semanas no Uquende, povoação que fica no centro do Gungo onde se situa o posto de administração comunal onde está a única escola para além da sexta classe... Fizemos 14 km a pé desde a ponte do Gundo até ao Bairro com a bagagem ás costas. Bem, as pessoas que nos acompanharam é que carregaram. Nós nem uma pequna mochila pudemos levar eles não nos deixaram mesmo que inssistíssemos. Todos nos aguentámos bem com a caminhada e felizmente nenhuma doença nos atacou. A primeira semana foi com as pessoas dos centros do Uquende e Chitonde e a segunda com as pessoas da zona Donga. Foi um bom tempo de formação para papás, mamãs, jovens e crianças. Para nós foi uma experiência nova mas que provavelmente terá de se repetir pois a via tarda em ser reparada... vamos a ver o que é possível fazer. Nos próximos dias tentaremos fazer-vos chegar mais algumas partilhas do que por lá se viveu. Fiquem bem. Sabemos que estão por aí. Nós e o povo do Gungo unidos no coração e na oração. O povo do Gungo tem rezado por vós. Até breve! Tchauê!

domingo, setembro 09, 2007

Mais uma vez, parabéns Sara

Olá, nunca é demais dar os parabéns. Nestes dias chegaram algumas mensagens de aniversário para a Sara e por isso fizemos este postal com essas mesmas mensagens. Um pouco confuso? Talvez... o espaço era pouco. Mas com paciência consegue ler-se. Mais uma vez parabéns e muitos cumprimentos a todo o grupo. P. Vítor Mira

sexta-feira, setembro 07, 2007

Parabéns Sara

Olá Sara. Hoje é o teu dia de aniversário e por isso estás de parabéns. Estarás no Gungo, talvez no centro do Uquende ou da Chitunda, com muitos meninos como este à tua volta. Nós, aqui longe, não te esquecemos e por isso te saudamos com muita alegria neste. Quando leres esta mensagem, mesmo que daqui a uns dias, sentirás ainda de um modo mais forte a nossa presença contigo de modo especial neste dia. MUITOS PARABÉNS, MUITAS FELICIDADES E QUE DEUS TE ABENÇOE. P. Vítor Mira

quinta-feira, setembro 06, 2007

olá amigos

Estive hoje a falar com o Padre Victor que ainda não tínhamos tido oportunidade de nos encontrar. Recordei muitas experiências que vivi no tempo em que estive em missão, as pessoas que conheci e lugares por onde passei. É outra forma de estar na vida mas uma experiência muito rica e gratificante. Queria partilhar convosco algumas fotografias de fatos que as minhas alunas fizeram a também os seus sorrisos por terem conseguido transformar o tecido em roupa. Caso gostem de algum modelo e se forem ao Sumbe sempre podem perguntar quanto levam de feitio e se o preço for justo mandar-lhes fazer o vosso fato africano é que há lá bons tecidos e bonitos.Esta é uma parte da colecção da Boa Brisa.

quinta-feira, agosto 30, 2007

formação na Boa Brisa

Olá amigos, como já vos tinha tinha dito durante os tempo que estive em Angola estive a fazer um curso de iniciação à costura no centro de formação da Boa Brisa. É um bairro próximo da cidade do Sumbe. O centro fica no alto do monte e está virado para o mar daí a verdade do nome, tem mesmo uma boa brisa. Foi neste ambiente que 14 mulheres daquele bairro estiveram comigo durante o mês que lá estive a aprender um pouco de costura. As máquinas eram um pouco diferentes daquelas que estou habituada mas cosem com linha tal e qual só que movidas a batatas ou funge como se come em Angola. O ferro esse já era como eu me lembrava do da minha avó que era a carvão, é que no centro de formação ainda não há luz eléctrica e é necessário usar os meios mais simples para conseguir fazer o trabalho. À esquerda têm a foto do mais pequeno aprendiz que acompanhava sempre a mãe e mostra a sua camisa nova. Ao lado está um panorama da sala de costura numa das formações. Estamos juntos!!!

quinta-feira, agosto 23, 2007

olá amigos

Sei que estado um pouco calada mas já voltei para a linha de trás da tecla. O meu de costura no centro de formação feminina no bairro da Boa Brisa já chegou ao fim. Conto nos próximos dias conseguir partilhar convosco o que por lá vivi. Beijinhos para a linha da frente que está de partida no fim de semana para o Uquende e um bom trabalho. estamos juntos Jacinta

segunda-feira, agosto 13, 2007

Por terras de Kubal 6 pontes!

Olá amiguinhos :)
Estamos de regresso, por poucos dias, do kubal 6 pontes.... Uma aldeia bastante isolada, numa zona montanhosa. O seu povo é realmente fantástico, a sua alegria é contagiante!!!!! As nossas formações foram dirigidas a 4 grupos específicos. Os catequistas estiveram com o Pe David, as mamãs com a mana Sara e comigo, os jovens com a mana Lina e as crianças com a mana Sónia.
Na formação com as mamãs abordámos diversos temas: economia doméstica, saúde infantil, higiene e saneamento. Realizámos algumas actividades práticas como fazer pão, sopa, bolos, broa; chapéus para os bebés (e foi bem giro ... pareciam verdadeiros noddys) e estendal para a roupa, como resultado da formação em conjunto com os papás :) As jovens também tiveram oportunidade de assistir a algumas das nossas formações.
Aqui vão algumas fotos que mostram como decorreram as várias formações!
Muitos beijinhos da equipa da linha da frente*****
Estamos juntos!!!!