sábado, julho 29, 2006

A casa vai a caminho - os contentores já foram

Não é bem o mesmo que o caracol que leva a casa às costas mas é algo semelhante o que estamos a fazer. Nos últimos meses a azáfama foi angariar os materiais necessários para a criação de condições logísticas a fim de desenvolvermos a nossa missão. Para angariar materiais para construir uma casa e reconstruir outra foi preciso muito trabalho. Não temos tudo nem isso é nosso desejo por agora. Na quinta-feira, dia 27 foi para carregar os dois contentores. Na sexta vímo-los partir... Esperamos que tudo chegue a bom porto e sem sobressaltos. Confiamos nas mãos de Deus e dos homens a generosidade de tantas pessoas identificadas ou anónimas, pessoas colectivas ou singulares, ajudas de empresas, ofertas monetárias ou em materiais. Como costumo dizer brincando: Muito obrigado por essa costela missionária. O grupo missionário, a equipa missionária e o povo do Gungo dizemos bem alto: "TWAPANDULA"!

3 comentários:

kimossaby disse...

Já se avista o inicio da vossa caminhada a uns largos kms de distancia dos amigos que por cá ficam. mesmo longe estaremos juntos, mem que seja nas memórias dos momentos que passamos juntos e dos desafios ultrapassados. Mas não poderemos falar em saudades, pois este espaço vai ajudar-nos a cuidar desse detalhe que liga um grupo de amigos quando se encontram afastados por uns meros 8000km que a tecnologia pode aproximar. Uma boa caça e uma forte canhota para o grupo que tem tanto para dar a quem praticamente nada tem.
Um bem haja.

kotick disse...

Que Deus vos abençoe...

Anónimo disse...

oi! Espero ke se estajam adaptar bem a esse emenso calor e trabalho. mas espero ke em troka recebam uma boa recompemsa: a alegria.