terça-feira, maio 29, 2007

Quatro meses desde a Primeira Pedra

Saudações missionárias a todos.
Como bem se lembram foi no dia 30 de Janeiro que se celebrou o lançamento da Primeira Pedra da construção da Casa propriamente dita. Pois bem: após estes 4 meses de trabalho com os seus imprevistos eis a vista que nos é proporcionada ao longe:
Todas as paredes estão já de pé e o reboco exterior está completo. O chão das duas salas e da dispensa também já está. Creio que dentro em breve começam algumas pinturas para irmos fechando parte da casa. Já foi feita a fossa para recolha de esgotos... Ainda falta uma boa parte para se dar por habitável esta fase da construção mas estamos no bom caminho.
Quanto às nossas idas ao Gungo estão ainda cingidas à Tuma. Já foi lançado o programa de reabiulitação da picada mas ainda não começaram os trabalhos... esperamos que tragam as máquinas "novas" para iniciarem os trabalhos com força. Como seria bom em Julho já podermos subir Gungo acima por uma picada reparada. vivemos nesta esperança!
Estamos juntos e vamos vivendo esta missão. Obrigado a quem nos acompanha!
P.David

6 comentários:

Anónimo disse...

E assim vai crescendo a ondjoyetu! Coragem manos...já faltou mais :)
Bjs e estamos juntos.

P.S: David mt obrigada pela sms!

Rute e Pedro

MiradeJesus disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MiradeJesus disse...

Que bom, amigo P. David, termos notícias do Ondjoyetu. Que alegria perceber que o sonho é cada vez mais uma realidade e que em breve será possível a dedicação a tempo inteiro ao povo do Gungo. Oxalá essas máquinas avancem rapidamente e a picada fique de novo transitável e esperemos que até meuito melhor do que estava.
Deste lado continuamos a acompanhar-vos com emoção e oração.
Um grande abraço para ti, outro para o Sr. Rui e um beijinho para a Vera. Kolelo linene. Estamos juntos.

P. Vítor Mira

jacinta disse...

A casa vai ganhando mais corpo e cada vez tem melhor aspecto não tarda já chegamos à altura do enfeito e assentamento de cortinados. Quanto ao povo do gungo a picada há-de estar preparada se não for julho de jipe pode sempre haver o plano B a pedantes.

Anónimo disse...

Queridos manos David,Vera e Sr.Rui:Desde estas terras de Leiria-Fátima um grande abraço de parabens pelo vosso grande esforço por continuar a missão que vos foi confiada a vós lá e a nós cá,mas todos unidos numa mesma causa:Levar o amor de Cristo onde nos encontramos.Por isso muita coragem,boa saúde,boa disposição,amor e alegria no coração e se possivel nos labios,mesmo que as dificuldades as vezes sejam grandes.Continuamos a rezar por Vós.Um beijinho de pássaro e um abtraço de urso.Vossa mana Ir.Nancy

helena disse...

Mesmo quando não se fala, vai-se mantendo o acompanhamento. É uma espécie de vigília.
Estamos convosco.
Helena, Sérgio, André e Diana