quarta-feira, abril 06, 2011

Falta de água - 1ª Parte

Olá, boa tarde. A água é um bem preciso e quando ela falta ainda sentimos mais como ela é imprescindivel. Aquando da minha recente visita à Linha da Frente a determinada altura ficámos sem água em casa. Tinhamos aproveitado para lavar todos os tanques e, ainda antes de acabar o preciso líquido encomendámos mais uma carrada. Vemos nas imagens a Márcia, filha do Mário, guarda da nossa casa, que, por ser pequena e caber pela abertura, foi lavar o tanque. A água para a nossa casa vem num camião cisterna que a carrega no rio Cambongo. Mas o senhor que nos prometeu ir levar a água foi adiando de dia para dia, sempre com a promessa de que estava mesmo a ir. Com tudo isto passaram três dias sem tomarmos banho, ainda por cima com um calor daqueles... Por isso, resolvemos ir nós mesmos buscar água ao rio. As imagens explicam o resto. Foi um processo algo demorado que só terminou de madrugada. Mas no fim aquele banhinho... Água na torneira... mais um dom que podemos agradecer a Deus todos os dias. Um abraço. P. Vítor Mira video

Sem comentários: